Saiba mais sobre o uso de cookies

ATENÇÃO ! Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.

Em 2026 vamos desenvolver fármacos para quem não é hiperativo? Dado que a prevalência de hiperatividade na população infantil estima-se que será de 52%!

Em 2026 vamos desenvolver fármacos para quem não é hiperativo? Dado que a prevalência de hiperatividade na população infantil estima-se que será de 52%!
15:10:00 24-08-2015 Sentido de Si Notícia

Descrição

Veja a notícia da revista Visão, de 23/08/2015, de autoria de Clara Soares, que apresenta uma entrevista ao neuropsicólogo e investigador Fernando Rodrigues que explica de que forma o consumo digital altera o cérebro e quais as suas consequências.

Fala da super estimulação dos circuitos da recompensa (querer sempre mais) que são ativiados pela tecnologia, pelo «emagrecimento» das a´reas cerebrais como as responsáveis pela memória e o hipocampo, etc.

Leia em: http://visao.sapo.pt/estima-se-que-em-2026-a-hiperatividade-nas-criancas-seja-a-norma=f828539#ixzz3jk10RKfv


Tags:

Partilhar


Comentários

Outros(as) Destaques

Assine a Newsletter e junte-se a nós!

Ajude-nos a encaixar as peças!

Divulgue connosco

Divulgue aqui

Rede de Parceiros

  • InvoiceXpress
    ACEGIS
  • Freguesia de Mafamude e Vilar do Paraíso
    GoUpBuzZ.com
  • Mafalda Palolo
    Banco de Inovação Social